Doces de casamento: Como calcular a quantidade de forma correta?

Casamentos envolvem muitos preparativos. São convites, lugar, decoração e, entre tantos outros detalhes, os doces de casamento. Isso mesmo! Celebração sem docinhos é quase que um evento incompleto. Afinal, todos esperam este momento para saborear os quitutes destes encontros que reúnem amigos e família.

Os doces de casamento são tão importantes, que eles muitas vezes acabam saindo das festas na bolsa daquela tia ou em um pratinho, com a desculpa de que “é para levar para fulano que não pode vir”. Ok! Todos gostamos deles. Mas é fato que planejar tudo isso, pensar em sabores e quantidades não é algo tão simples, ainda que pareça.

Quantos docinhos cada pessoa come? E se tiver bolo, muda a contagem? E se for doces para a sobremesa? Diversas são as perguntas que passam pela a cabeça de quem está organizando uma festa ou evento.

Seja para evitar faltas ou desperdícios, ou mesmo economizar no investimento, que pode ser mais baixo que o ideal, é importante calcular. E é por isso que preparamos este post.

Para auxiliar você, que está, de forma independente, cuidando da contagem de doces de casamento, ter um pouco mais de noção na hora de fazer ou encomendar os doces da sua festa.

Uma mesa só para os doces de casamento

Na recepção, logo na entrada. É ali que costuma ficar a mesa de doces de casamento. A decoração da mesa especial para os docinhos ganha destaque, com arranjos de flores, vasos, e bandejas de dois a três andares. Além disso, bailarinas, fotografias e até luzes direcionadas para iluminar as guloseimas ganham espaço nesta proposta.

Esse tipo de mesa fica aberta para os convidados pegarem os docinhos livremente de acordo com seus gostos e preferências. Sendo assim, o cálculo ideal é de cinco a seis doces por pessoa, se houver outros tipos de sobremesa. Se forem a única opção, o cálculo deve ser de oito a 10 doces por pessoa.

Sabores variados

Sabores variados de doces

Os sabores dos doces de casamento são um fator muito importante para se considerar. Afinal, são pessoas diferentes que podem degustar os docinhos da sua festa. O tamanho da festa e quantidade de convidados que serão recebidos também são pontos importantes a serem levados em consideração.

Na hora da degustação com o fornecedor, será possível escolher entre brigadeiros, casadinhos, camafeus, olho de sogra (com ameixa) ou olho de sogro (com damasco). Outros com nozes, castanhas, avelãs, frutas variadas e ovos, tendo o chocolate como protagonista também são bastante buscados.

Quanto à quantidade segundo os sabores, colocar no máximo cinco qualidades para o total de 500 doces. Já para o total de mil doces, de 7 a 8 sabores. E de oito a 12 tipos para um total de dois mil doces e, assim, sucessivamente.

O bem-casado

Bem casados

Doces como cake pop e doces no copinho estão entre os clássicos. Já os bem-casados, ícones por tradição, são os grandes preferidos da maioria das pessoas e entram na festa como um dos modelos de lembrancinhas de casamento.

Neste caso, podem ser uma média de um a três por pessoa, já alguns convidados não resistem. A mesma quantia se aplica para quem quer presentear os convidados com outras lembranças comestíveis.

Nestes casos, é comum que as pessoas optem por doces como, bem-casado no copo, alfajor, cupcake e pão de mel. São doces que serão entregues ao final da festa pelo cerimonial para que as pessoas possam carregar e levar para casa, então a quantidade não deve ser exagerada.

E o bolo?

Como calcular a quantidade do bolo de casamento

Se os doces são essenciais, o que dizer do bolo? Assim como todos os detalhes de um casamento, ele não passaria despercebido.

Se diferentes modelos de vestido de noiva e trajes são experimentados para encontrar o ideal, a mesma prática deve ser feita com o bolo. O ideal é degustar juntos pedaços de bolo para eleger o sabor de preferência.

Podem encomendar até 100 gramas para cada convidado, sendo a quantidade de 60 gramas suficiente se forem oferecer outras sobremesas, além do bolo e dos docinhos. Porém, alguns profissionais garantem que somente ⅓ dos convidados comem o bolo, o que reduz a sua quantidade nos cálculos.

Candy bar

Candy bar

Casamento é o tipo de ritual comum na sociedade. Independente da crença, cultura ou religião, tratam-se de celebrações antigas para os mais diversos públicos. E, da mesma forma, é natural que as pessoas se reinventem e transmitam isso para seus eventos. Estações temáticas, por exemplo, são cada vez mais utilizadas nestas ocasiões.

Tendência em casamentos, é cada vez mais frequente que fornecedores que cobram por hora se faça, de fato, presentes nas festas. E, com isso, os donos da festa não precisam se preocupar com o cálculo das quantidades.

Pontos fixos de crepes, churros, cascata de chocolate com frutas no palitinho, por exemplo, fazem sucesso em festas. E não precisa ser criança para se encantar com isso. Os adultos também gostam.

E, por fim, pode até ser um pouco trabalhoso, mas cuidar de perto do seu casamento vai até de dar aquele orgulho no final.

Publicações relacionadas

perguntas inconvenientes que toda noiva escuta

Mais Dicas

8 perguntas inconvenientes que toda noiva escuta ao anunciar o casamento

Músicas de forró para casamento

Música e Dança

25 músicas de forró para dançar coladinho no seu casamento

daminha

Notícias

Daminha se recusa a entrar na igreja e o pai entra em seu lugar

Comentários